201708.28
0
0

A sombra de outubro. A Revolução Russa e o espectro dos soviets (Lux Editeur), de Christian Laval e Pierre Dardot

O mito bolchevique está exausto. Somente regimes sinistros e algumas seitas, agarrados a emblemas, rituais e fórmulas secas, continuam hoje tornando-os uma referência de identidade. Por que, então, ainda recuperar esse tema? A repressão desta história poderia nos cegar sobre a persistência de práticas herdadas diretamente do bolchevismo: o verticalismo aberto ou oculto em benefício…

201708.27
0
0

“Transformismo da esquerda” (Editora Prismas), novo livro de Eliziário Andrade

Já faz algumas décadas que as metamorfoses das esquerdas levam-nas, cada vez mais para a “linha de menor resistência”, conforme a proposição de István Mészáros, aceitando atuar no terreno onde o inimigo é mais forte. Ao invés de travar as batalhas centralmente no mundo concreto das lutas e conflagrações sociais, nas arenas extraparlamentares, elas se…

201708.27
0
0

István Mészáros (1930-2017)

István Mészáros (1930-2017) é um importante filósofo e está entre os mais destacados intelectuais marxistas da atualidade. Professor emérito da Universidade de Sussex, na Inglaterra, onde ensinou filosofia por quinze anos, anteriormente foi também professor de Filosofia e Ciências Sociais na Universidade de York, durante quatro anos. Mészáros sustenta que a educação deve ser sempre…

201708.27
0
0

Guido Araújo (1933-2017), o Senhor das Jornadas

Guido Araújo (1933-2017) é um dos cineastas baianos mais conhecidos. Natural da cidade de Castro Alves, no Recôncavo Baiano, além de ter sido professor da Faculdade de Comunicação da Universidade Federal da Bahia (UFBA), entre 1971 e 1999, e ter dirigido vários documentários etnográficos revelando a riqueza natural e cultural do interior do estado (como…

201708.27
0
0

“Cine y cambio social: Imágenes sociopolíticas de la Argentina (2002-2012)” (Universidad Nacional de La Matanza. CLACSO, 2017), organização de Adriana Callegaro. Andrés Di Leo Razuk e Esteban Mizrahi

El cine pone en escena un modo de pensar lo real. A través de sus relatos se presenta como una institución responsable de instaurar y hacer circular muchas de las representaciones entre las que habitamos y con las que comprendemos el mundo. Los artículos que componen este libro son el resultado de dos investigaciones llevadas…