Home / Crônicas e Poemas / Poema de Rodrigo Chagas

Poema de Rodrigo Chagas

lilianrodrigo
Menina, Série Vátc, de Lilian Morais, 2015.

 

O homem que conta as horas
Ali sentado,
Me observando,
Fitando…
Não é Deus,
Nem a morte,
Mas dependo
Dele…
Cada minuto
A menos trabalhado
É pior p/mim.
“As coisas sempre
Foram assim meu
Filho, acostume-se”…
Vovó já dizia.
& o fluxo do universo
Continua jorrando…
O homem que conta
As horas fala que
É hora de ir embora.
No ônibus socado até
a porta,
Penso na garota ruiva
Da 4a série & suas veias azuis sob sua bela – e pálida – pele.
Quantas
Horas
O homem
Contabilizou
P/ela?

 

Rodrigo Chagas
09 jun 2017.

 

 

Check Also

Revolução Russa em haicais de Johny Guimarães

  Outubro  agitado  – A  rosa  rubra,  o  estandarte Ao vento:  Greve.   Soldado  Russo …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *